07/08/2017
0
Sanfoneiro da dupla Racyne e Rafael, Felipe Melo é morto a facadas
Fonte da Notícia:
G1


O sanfoneiro Felipe Divino Mendonça de Melo, de 20 anos, que trabalha com a dupla sertaneja Racyne e Rafael, foi morto a facadas em Goiânia. Segundo a Polícia Militar, o artista foi assassinado após tentar intervir na briga entre um casal, em um bar no Setor Santo Hilário. O suspeito do crime, Jackson da Silva Guimarães, de 37 anos, foi preso no mesmo bairro. A corporação disse que ele confessou o crime.

O homicídio ocorreu na noite de domingo (6). De acordo com o subtenente Paulo César de Castro Gomes, Felipe viu Jackson discutindo com a mulher e resolveu interceder, mesmo sem conhecer o casal.

Houve uma confusão e ele acabou sendo ferido na barriga. Ele saiu do local a pé em busca de socorro, mas acabou não resistindo e morreu, disse ao G1.

O corpo só foi encontrado na manhã desta segunda-feira (7), em uma calçada do Setor Recanto das Minas Gerais, vizinho ao Santo Hilário, cerca de dois quarteirões de onde ocorreu a briga. Testemunhas o localizaram e chamaram a PM. Algumas delas repassaram as características do suspeito, que foi localizado em sua casa.

Quando chegamos ele estava com a faca em punho, mas conseguimos detê-lo. Ele nos disse que estava com receio de que fossem outras pessoas querendo linchá-lo por conta do homicídio, uma vez que ele já tinha sido agredido no bar, afirmou o policial.

Em uma rede social, a dupla Racyne e Rafael publicou uma foto de Felipe com uma mensagem de luto. Na legenda, os artistas lamentam ter perdido um membro importante e muito querido da equipe. O comunicado salienta ainda que toda equipe da dupla sente muito pelo ocorrido e está de braços abertos para apoiar a família.

O corpo de Felipe está no Instituto Médico Legal (IML) à espera da liberação.
Comentários
Mais Notícias
10/02/2018
Maiara, dupla de Maraisa, perde 15 quilos após bariátrica: Fiz pela saúde, não pelo carnaval
Maiara e Maraisa entrarão pela primeira vez na avenida e farão a estreia com toda pompa. Além de entrar no último carro, as gêmeas do sertanejo vão cantar um trecho do samba no início do desfile.

"Estou super tranquila. É a primeira vez que desfilo e estou muito feliz. Realidade de poder ver esse encontro de diferentes tipos de cultura. Maravilhada com o carnaval e apaixonada pela Rosas de Ouro", afirmou Maiara enquanto se arrumava para o desfile.


Maraisa mostrou criatividade na produção de look de carnaval. Uma hora antes de entrar na avenida, a cantora pediu para transformar a fantasia que já estava no corpo e cortar as franjas da peça. "É outra roupa, me escuta, meu bem", brincava Maraisa, feliz com o resultad

"Preferi tirar as franjas para mostrar um pouco mais do corpo, das pernas", explicou Maraisa.

A Rosas de Ouro leva para avenida o enredo “Pelas estradas da vida. Sonhos e aventuras de um herói brasileiro”, que conta desde o momento em que ele acorda, ainda de madrugada, até a relação de ausência e saudades com a família. As mães dos caminhoneiros serão representadas pela ala das baianas. Maiara e Maraisa participam tanto do samba quanto do desfile da escola.

"O samba tem uma energia muito boa. Fala da saudade, da busca pelo sonho, da ralação, de não ter hora para dormir. Mas também de uma coisa bonita, de encontrar amigos e levar alegria", explica.



Com a estreia das meninas cantando na avenida, o sertanejo ganhou mais um espacinho no carnaval. O sertanejo é bem amigo. Ele quebra fronteiras. Ele leva a música que o povo quer ouvir. Não é um ritmo ciumento, afirma a cantora.

Maiara conta que não fez nenhuma preparação física ou alimentar para a folia. Mas em novembro, se submeteu a uma cirurgia bariátrica.

Não teve preparação. Minha irmã já está muito bem de corpo. Mas eu fiz um procedimento e já perdi 15 quilos. Mas fiz pela saúde, não pelo carnaval. Meu foco aqui é levar alegria. Só quero chegar cantando o samba. O negócio do corpo não importa.

Maiara conta que está comendo de tudo, mas em menor quantidade. Antes do desfile, optou por um prato de massa.
Instagram